zzzZZZzzz

Passei por uma grande tempestade e o que eu mais queria era dormir.
Dormir profundamente, um tal sono que durasse horas, mas que não tivesse nenhuma relação com a morte, o coma ou qualquer coisa assim.
Dormir como quando colocamos em estado de espera, para quem sabe, algo novo e empolgante me esperasse ao despertar.

E agora?
Ainda queria dormir, principalmente neste exato momento em que os olhos estão pesados, ardendo... cheios de areia imaginária.
O sono não seria uma válvula de escape, mas serviria como um ótimo benefício.

Preciso?
Dos minutos que antecedem o sono,
Dos pensamentos que são bem mais que sonhos;
A felicidade que não é instantânea e...
Aí sim, simplesmente dormir!
Após algumas horas o despertar, os pensamentos retornam, a vida continua e começa a nova espera para o próximo ritual do sono.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

On the road – Furnas/ Capitólio

On the road - Rock in Rio 2017

On the road - Bahia (Praia do Forte) - Parte 3