Ela queria fugir, mas não sabia pra onde.
Ela queria desaparecer, mas não por inteiro.
Queria apenas esquecer dos problemas, da vida... de si mesma.
Então resolveu viajar, mas as horas não passavam.
Os minutos desapareceram como em um passe de mágica... não queriam mais ser contabilizados.
As pessoas passavam rapidamente, preocupadas com seus problemas banais.
E as horas também não passavam, principalmente para aqueles que estavam perdidos com suas plaquinhas procurando pessoas que nunca tinham visto na vida.

...

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

On the road – Furnas/ Capitólio

On the road - Rock in Rio 2017

On the road - Bahia (Praia do Forte) - Parte 3